Reuniões na semana pós-carnaval irão definir o andamento de temas de interesse da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional

Durante esta semana, o presidente do Crefito-3, Dr. José Renato de Oliveira Leite, junto aos demais membros da diretoria, estiveram reunidos para definir estratégias do órgão para três importantes reuniões que serão realizadas em Brasília, a partir do dia 20 de fevereiro.

A semana começa com audiência, no dia 20, do presidente do Crefito-3, Dr. José Renato de Oliveira Leite, do presidente do Coffito, Dr. Roberto Mattar Cepeda e de procuradores das duas autarquias com o presidente do Tribunal Superior do Trabalho, Ministro Ives Gandra da Silva Martins Filho, na sede do Tribunal, na Capital Federal. A preocupação do Crefito-3 está centrada na relação paciente-profissional de saúde nos processos de terceirização que vêm acontecendo no País. 

Já no dia 21 de fevereiro, quarta-feira, a reunião será com o relator do projeto da Lei Geral do Simples Nacional, deputado Otávio Leite (PSDB-RJ). Recentemente, após a realização de evento do Conselho, o Crefito-3 decidiu adotar medidas judiciais contra mudanças no Simples Nacional. Essa reunião contará também com a presença de representantes da AEFERJ – Associação de Empresas Prestadoras de Serviços de Fisioterapia do Estado do Rio de Janeiro, que está há algum tempo engajada na busca de uma abordagem tributária mais justa e equilibrada para as empresas de Fisioterapia e atuou para efetivar a agenda com o deputado em Brasília.

Também nessa data será realizada reunião com o deputado federal Orlando Silva (PCdoB-SP), autor de Projeto de Decreto Legislativo (PDC 733/17) que busca coibir a proliferação de cursos na modalidade Ensino a Distância (EaD). A reunião servirá ao propósito de oferecer subsídios às argumentações do deputado em suas ações para limitar o alcance do Decreto Presidencial nº 9057/2017, que expande o EaD para todas as áreas do conhecimento.