Educação a Distância na área da Saúde será tema de programa da TV Câmara
Programa vai debater o EaD e suas consequências para a sociedade brasileira no dia 18 de março, com transmissão ao vivo no site e no canal da Câmara no YouTube.

No dia 18 de março, às 13 horas, o programa ‘Participação Popular’, da TV Câmara, irá debater, ao vivo, o tema Educação a Distância na área de saúde. Um em cada 3 alunos do Brasil estudam na modalidade a distância, de acordo com o último Censo da Educação Superior. Em 2017, o Ministério da Educação aumentou o acesso ao ensino superior ao flexibilizar os cursos a distância para todas as áreas, sem prever um tratamento diferenciado para a graduação na área de saúde. Para as entidades de saúde, a formação sem aulas presenciais representa um risco para a saúde pública. 

Segundo uma pesquisa do Conselho Nacional de Saúde já existem 244 turmas em universidades de todo o país credenciadas nas áreas de Enfermagem, Farmácia, Educação Física, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Biomedicina, Nutrição, Medicina Veterinária e Gestão Hospitalar, na modalidade a distância. A Câmara dos Deputados analisa em várias comissões permanentes, projetos de lei que tentam restringir os cursos a distância na área da saúde.

O Crefito-3 tem atuado com resistência nas lutas contra o EaD na Saúde, reunindo apoio e parceria com parlamentares. Na última semana, Dr. José Renato de Oliveira Leite, presidente da Autarquia, esteve reunido com o deputado federal Abou Anni, parlamentar eleito em 2018, para tratar das demandas de interesse das profissões. Abou Anni confirmou apoio ao Crefito-3 e afirmou que se posicionará contrário à questão e estará vigilante para obstruir o processo de cursos EaD no segmento da área da Saúde.

O programa vai ao ar na segunda-feira, ao vivo, das 13h às 14h, na TV Câmara, no portal Câmara Notícias e o no canal da Câmara no YouTube.

Comentários e perguntas podem ser feitos pelo telefone 0800-619-619, por e-mail para participacaopopular@camara.leg.br , pelo WhatsApp no número (61) 99620-2573 ou pelo chat do YouTube e Facebook da Câmara dos Deputados, que farão transmissão simultânea com a TV Câmara.

Mais informações: http://tv.camara.leg.br