Últimas Notícias

Projeto de Lei do piso salarial foi aprovado na Comissão de Trabalho da Câmara dos Deputados

Durante a sessão de votação, o Crefito-3 esteve representado pelos membros da Comissão de Assuntos Parlamentares


Alerta de Golpe! Não acredite em ligações com o teor de suspensão de registro profissional

Golpistas falam em nome do Crefito-3 para enganar fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais!


Crefito-3 participa de evento do Instituto Aliança contra Hanseníase, em São Paulo

Evento faz parte de campanha sobre conscientização e sensibilização para o diagnóstico precoce da hanseníase.


SONAFE Brasil apresenta nova diretoria ao presidente do Crefito-3


Câmara Técnica de Terapia Ocupacional em Contextos Sociais participa do IV Simpósio Nacional em Socioeducação, em Brasília


Correlação x Causalidade: aspectos clínicos e radiográficos na síndrome do impacto femoroacetabular

Podcast com a fisioterapeuta e pesquisadora Dra. Flávia Nakatake


VEJA MAIS

Imagem da notícia

Publicado em: 20/04/2023

Após denúncia realizada pelo Crefito-3, Vigilância Sanitária constata ausência de terapeuta ocupacional na UTI de hospital estadual

O Crefito-3, por meio da atuação de seus agentes fiscais, constatou que o Hospital Estadual de Mirandópolis Dr. Oswaldo Brandi Faria não cumpre a Resolução RDC 07/2010 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no que se refere à presença de profissional terapeuta ocupacional em Unidades de Terapia Intensiva.


Após a constatação da Fiscalização, a Procuradoria Jurídica do Crefito-3 enviou ofício ao Grupo de Vigilância Sanitária de Araçatuba, solicitando providências do órgão, visando à adequação do hospital à RDC-07/2010.


Em resposta à solicitação do Crefito-3, o subgrupo de Vigilância Sanitária de Andradina, em conjunto com a equipe de Vigilância Sanitária Municipal, inspecionaram a instituição constataram o descumprimento da Resolução RDC 07/2010, e lavraram um Auto de Infração. 


O agente da Vigilância Sanitária de Mirandópolis responsável pela elaboração do Auto de Infração, registrou que o Hospital Estadual de Mirandópolis Dr. Oswaldo Brandi Faria está contrariando o que é definido pela RDC 07/2010, “expondo a risco os pacientes” da Unidade de Terapia Intensiva.