Sistema Coffito/Crefitos participa de construção de Nota Pública contra o EaD emitida pelo CNS

No dia 23 de novembro, Dr. José Renato de Oliveira Leite, presidente do Crefito-3 e representante do Sistema Coffito/Crefitos no Conselho Nacional de Saúde, participou de reunião da 42ª Câmara de Regulação do Trabalho em Saúde, do Ministério da Saúde, em Brasília. No último encontro, que ocorreu em setembro, os Conselhos Federais de áreas da Saúde debateram o ensino a distância na graduação em áreas da Saúde, manifestando repúdio à modalidade. Segundo Dr. José Renato “na reunião passada, cada Conselho elencou seus motivos e suas opiniões, dados e números e formalizamos um documento amplo a ser enviado ao Ministério da Educação, Presidência da República e autoridades competentes”.

No encontro desta sexta-feira, os representantes de Conselhos elaboraram, com dados levantados de outras reuniões, a Nota Pública contra a Graduação a Distância na Área da Saúde, alertando à sociedade contra os riscos do EaD na Saúde. “Foi feita uma nota pública para alertar a sociedade sobre os riscos do ensino a distância nas áreas da Saúde. Estamos construindo essa nota para que cause um grande impacto e acorde a sociedade perante esse grande problema. A nota será enviada às autoridades competentes que envolvem em nosso país a saúde e a educação”, concluiu Dr. José Renato.

Desde 2016, o Crefito-3 trava uma dura batalha e vem se posicionado contrário ao EaD e suas políticas de implantação. Através da participação em discussões municipais, estaduais e federais, em conjunto com outros Conselhos de profissões da Saúde, o Crefito-3 tem a preocupação de proteger a sociedade dos riscos da graduação totalmente a distância para a formação de novos fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais. A edição 2 da revista Em Movimento trouxe em sua matéria de capa um verdadeiro dossiê sobre os perigos da formação da modalidade e os riscos ao paciente e defende que cursos de graduação em área da Saúde devem ser presenciais, respeitando o cuidado com a integridade da pessoa. As edições 3 e 4 também trataram do tema. Ao longo deste período, o Crefito-3 tem produzido inúmeros conteúdos com posicionamento contrário ao EaD na Saúde, em vídeo e texto, para todos os veículos de comunicação institucionais.